Coordenador : Gladstone Leonel da Silva Júnior
Ano: 2021
Publico Alvo : Discentes e egressos de turmas de Direito do PRONERA, bacharéis e graduandos em Direito e militantes de movimentos sociais.
Local de atuação: SDV
Resumo
O curso de extensão Massacres no Campo na Nova República e o Papel do Sistema de Justiça Criminal é uma das ações propostas no âmbito do projeto de pesquisa e extensão Massacres no campo na Nova República – crime e impunidade, 1985-2019, o qual reúne 49 (quarenta e nove) pesquisadores e pesquisadoras de onze Universidades Federais e um Instituto Federal, das áreas de Direito, História, Geografia, Sociologia, Antropologia e Psicologia, com experiência na análise da questão agrária brasileira e reunidos a partir da parceria estabelecida em 2018 entre a Comissão Pastoral da Terra (CPT) e o Instituto de Pesquisas Direitos e Movimentos Sociais (IPDMS). Nesse contexto, a partir das formações da equipe de pesquisa, pretende-se com a presente ação de extensão socializar os acúmulos e achados iniciais entre aqueles que são mais diretamente impactados pelas violências estruturais e institucionais perpetradas no campo, bem como entre aqueles que dedicam suas vidas a combatê-las e a contribuir para o fortalecimento das resistências e para a reversão deste quadro de violências, desigualdades e injustiças sociais. Para a realização do curso serão disponibilizadas 100 (cem) vagas, sendo 50% (cinquenta por cento) destinadas a estudantes e egressas/os das turmas de Direito do PRONERA, e as demais vagas serão preenchidas por advogadas/os populares, militantes de movimentos sociais do campo, agentes do sistema de justiça, entre outros sujeitos que atuam na realização dos direitos sociais à terra e ao território.