Coordenador : Ana Carolina Lacorte Lima
Ano: 2021
Publico Alvo : CRIANÇAS NA FAIXA ETÁRIA ENTRE 4 E 11 ANOS DE IDADE, MATRICULADOS NAS ESCOLAS DAS REDES PÚBLICAS DE ENSINO DO RIO DE JANEIRO, SEJA DE ÂMBITO FEDERAL, MUNICIPAL OU ESTADUAL.
Local de atuação: COLUNI
Resumo
Durante a Pandemia do Covid-19, capoeiristas de todo mundo precisaram cessar suas atividades, e a perspectiva dialógica que traz o jogo da capoeira, precisou ser colocada em último plano. Porém, também foi possível explorá-la de forma solitária, através das plataformas digitais. O trabalho com as movimentações e com a musicalidade, de forma remota, foi a estratégia utilizada por esses praticantes, para prosseguirem com a prática da arte, que enquanto patrimônio cultural imaterial, se caracteriza como resistência às opressões na vivência e no cotidiano, e por isso, necessita ser acessada para continuar existindo. O projeto Capoeira entre telas tem como proposta, possibilitar que crianças na faixa etária dos 4 aos 11 anos de idade, matriculadas nas redes públicas de ensino, tenham experiências que envolvam o corpo, os movimentos, a história e a musicalidade da capoeira, através de encontros síncronos. Compreendendo a imersão nas culturas negras como um direito que foi historicamente negado, este projeto visa trazer elementos que contribuam para a educação patrimonial, através da capoeira. Com encontros semanais pelo Google meet, as crianças serão divididas em duas turmas, ambas mediadas pela professora Ana Carolina, docente EBTT da da UFF. As inscrições serão feitas através de um Formulário do Google, no período de 02/08/21 a 10/08/2021, ou enquanto houver vagas disponíveis. Espera-se como resultado, a construção de uma consciência patrimonial no que se refere ao cuidado com as culturas negras, sobretudo com a capoeira.