Coordenador : Bernadete de Lourdes Alexandre Mourão
Ano: 2021
Publico Alvo : 60 pessoas ( mães, pais ou responsáveis) de estudantes da Rede Municipal de Educação de Niterói
Local de atuação: SPA
Resumo
A pandemia impõe distanciamento social que tem gerado adoecimento e mal estar psicológico. Um elemento agravante desta condição reside em uma visão de mundo que opera através de um reducionismo psicológico, que ao encobrir problemas advindos de diversas ordens ( sócio-política e econômica), que extrapolam o controle que cada um tem sobre sua vida, constroem uma percepção de responsabilidade pessoal, produzindo culpabilizações de cunho moral do outro e de si mesmo. Este tipo de entendimento, disseminado no senso comum, concretiza-se em frases motivacionais e livros de auto-ajuda, que operam como um mantra (porque lidos e ouvidos repetidamente), alimentando tal reducionismo. Destacamos duas frases: Work hard. Dream big. (Trabalhe duro para sonhar grande) e Durma com ideias. Acorde com atitudes. Tais frases, na sua singeleza aparente, operam como juízes morais, declarando que os acontecimentos da vida dependem apenas de uma decisão de caráter individual. O fracasso inevitável do reducionismo exacerba o adoecimento. Indo na direção oposta ao reducionismo psicológico, especialmente em sua vertente moral, o objetivo deste projeto é promoção de saúde mental através da construção de um espaço coletivo de escuta, expressão, compartilhamento e ressignificação de vivências relativas ao convívio, cuidado e educação de crianças durante a pandemia num enquadre crítico-reflexivo, com responsáveis de estudantes da rede municipal de Educação (Niterói). O método será a Roda de Conversa por viabilizar um diálogo simétrico e informal que favorece trocas de saberes, surgimento de narrativas e debates, vetores de tranformação da realidade que seriam silenciados em abordagens hierarquizadas, como palestras e seminários.