Coordenador : Mitsi Pinheiro de Lacerda Leite Benedito
Ano: 2021
Publico Alvo : - Estudantes do ensino médio, graduação e pós-graduação; - Professores e professoras da educação básica.
Local de atuação: PCH
Resumo
O projeto consiste na comunicação e estudo coletivo do livro Pedagogia do Oprimido, de Paulo Freire, através de metodologia dialógica. Trata-se da reapresentação de projeto desenvolvido em 2020, o qual contou com 14 participantes e resultou na produção de um artigo. A proposição se justifica desde os resultados de uma experiência que se encontra em curso, e cuja metodologia remonta, no exercício profissional da coordenadora, a pelo menos quinze anos. Esta experiência diz respeito à formação continuada de professores que se efetiva por meio de atividades de leitura e estudo coletivo de literaturas que atravessem o campo da Educação. A proposição pela leitura e estudo coletivo refuta a lógica do repasse segundo a qual um sujeito transmite o conhecimento, enquanto os ouvintes elaboram perguntas a serem respondidas. Considerando as atuais condições nas quais se encontra a população brasileira, com o risco permanente de contaminação pela COVID-19 e a dor emocional associada ao sofrimento difuso proveniente da dura realidade marcada pela morte e pelo descaso do poder público central, este projeto não se dispõe a expor – mas a acolher a palavra. Esta é a principal justificativa do projeto: constituir-se enquanto espaço para a interação e diálogo amoroso e consciente, a ser habitado pelas pessoas e suas palavras. Junto a isso, é relevante também destacar que no ano de 2021 é comemorado o centenário de nascimento de Paulo Freire, e que a ocasião será celebrada por diversas entidades.