Coordenador : Luis Henrique Abegão
Ano: 2021
Publico Alvo : Público-alvo direto: catadores e catadoras de materiais recicláveis organizados em cooperativa. Público-alvo indireto: moradores do território de Volta Redonda selecionado para o projeto piloto.
Local de atuação: VAD
Resumo
A InTECSOL assessora a cooperativa de catadores de materiais recicláveis Cidade do Aço desde 2014. Ao longo desse período a cooperativa chegou a ser contratada pela prefeitura de Volta Redonda, juntamente com as outras duas cooperativas do município, para prestação do serviço de coleta seletiva. Mas, por não possuir espaço e equipamentos próprios, acabou deixando o contrato. A InTECSOL prosseguiu colaborando com a estruturação da cooperativa, que, há cerca de um ano, conseguiu um espaço próprio, cedido pela prefeitura. Outros projetos mobilizados pela InTECSOL permitiram a compra de equipamentos (esteira, duas prensas, duas balanças, dois carrinhos elétricos para coleta, notebook e impressora), além da adequação da instalação elétrica no galpão por ela ocupado. O objetivo central deste projeto consiste no desenvolvimento de um modelo alternativo de coleta seletiva (num território selecionado no município de Volta Redonda), baseado na utilização dos carrinhos elétricos doados à Cooperativa e na implantação de Pontos de Entrega Voluntária (PEV). Como objetivo subsidiário o projeto visa reunir as condições (equipamentos, instalação e treinamento) que permitam à Cooperativa utilizar, em toda a sua funcionalidade, o sistema de informações gerencias desenvolvido pela InTECSOL para cooperativas de catadores - o CATADADOS, que consiste numa tecnologia social registrada no catálogo da AGIR/UFF -, a partir da instalação do dispositivo de entrada de dados na área de produção da cooperativa. Dessa forma, este projeto contribuirá diretamente para o início das operações de triagem e enfardamento de materiais recicláveis a partir da instalação dos novos equipamentos no galpão da Cidade do Aço.