Coordenador : José Renato Sant'anna Porto
Ano: 2021
Publico Alvo : Participarão das atividades os representantes das Redes de Produção, Consumo e Distribuição de Alimentos Agroecológicos, bem como o público interno da universidade e demais representações das organizações da sociedade civil e movimentos sociais que mantém parcerias com os Núcleos de Agroecologia envolvidos.
Local de atuação: DGP
Resumo
A presente proposta objetiva ampliar e fortalecer os canais de comercialização e cadeias curtas de produção e consumo de alimentos agroecológicos, existentes nos territórios de Niterói, Macaé, Angra dos Reis, Rio das Ostras, Santo Antônio de Pádua e Campos dos Goytacazes, e que já vem sendo apoiados pelos Núcleos de Agroecologia que compõem a Rede de Agroecologia da UFF. O projeto busca aprofundar os trabalhos de extensão já em andamento que articulam questões atinentes à Segurança Alimentar e Nutricional, à Agricultura Familiar de base agroecológica e à Economia Solidária. Iniciativas e experiências diversas de comércio justo de alimentos agroecológicos vem sendo apoiados pela UFF através dos núcleos que compõe a Rede de Agroecologia da UFF. No contexto atual, ser essas iniciativas necessitam ser ainda mais fortalecidas, diante da intensificação do quadro de desemprego e de queda de renda, em especial, daqueles que praticam a agricultura familiar agroecológica. A iniciativa inovadora dessa proposta consiste na integração da experiência dos diferentes grupos de pesquisa e extensão (Núcleos de Agroecologia) que desenvolvem atividades voltadas para temática da agroecologia e da agricultura familiar camponesa, os quais integram a Rede de Agroecologia da UFF. O projeto será desenvolvido a partir da organização de um conjunto de atividades de extensão que objetivam fortalecer os diferentes arranjos de economia solidária que tem sido apoiados pela Rede de Agroecologia da UFF como estratégia de geração de trabalho e renda aos agricultores familiares agroecológicos e a promoção da segurança alimentar e nutricional no enfrentamento da pandemia de COVID-19.