Coordenador : Erica Cristina Nogueira
Ano: 2021
Publico Alvo : • Para a visita em grupo à Casa da Descoberta, recebemos no máximo 60 (setenta) pessoas por período (manhã e tarde). A experiência dos últimos anos mostrou que funcionando de 2ª à 6ª feira (pela manhã e à tarde) e dois sábados por mês, costumamos receber em média 6.000 (sete mil) pessoas durante o ano. • Para o “Meninas na Ciência”, esperamos receber 80 (oitenta) pessoas por palestra. Para o conjunto de 10 (dez) palestras programadas neste evento é possível receber um total de até 800 (oitocentas) pessoas. • Receberemos 25 alunos por oficinas. Vamos realizar 24 (vinte e quatro) oficinas durante o ano, esperamos então um público de 600 pessoas no total. • Recebemos, em média, 20 pessoas por atividade de Observação do Céu, durante as atividades do Clube de Astronomia Casa da Descoberta. Como programamos pelo menos 15, teremos um total de 300 visitantes. • Para a caminhada, visitando a trilha em torno do Instituto de Física, recebemos no máximo 20 (vinte) pessoas por vez, e será realizada semanalmente. Esperamos receber 1080 pessoas. TOTAL: Aproximadamente 8.000 (oito mil) visitantes. Aqui destaco que este é o número de pessoas que esperamos receber anualmente no espaço físico do museu. Em 2021, como consequência das medidas de restrições sanitárias impostas pela pandemia da COVID-19, nossas atividades estão sendo realizadas através de nossas páginas no FACEBOOK, Instagram e YouTube. Nesses ambientes temos cerca de 10.400, 1430 e 154 seguidores, respectivamente. Nossos seguidores foram cadastrados como outros na descrição do tipo de público que recebemos.
Local de atuação: GFI
Resumo
Em 2000, foi criada a Casa da Descoberta - o Centro de Divulgação de Ciência da UFF, com o objetivo principal de participar do processo de ampliação dos níveis de alfabetismo científico dos indivíduos. O museu possui uma coleção de mais de 50 experimentos interativos das áreas de Física, Química, Astronomia, Biologia e Matemática e recebe visitas da comunidade e de alunos de escolas públicas e privadas de Niterói e arredores. As visitas são guiadas por mediadores que estimulam o uso dos equipamentos e explicam os conceitos científicos presentes nos mesmos de maneira informal, sem utilização de jargões científicos. Também realizamos oficinas temáticas, formação continuada para professores, observações do céu, caminhadas ecológicas na trilha ao redor do Instituto de Física, falando das árvores e histórias envolvendo as mesmas. Em 2017, iniciamos o processo de adaptação das atividades do museu para o público com deficiência. Abrimos de segunda a sexta feira das 9h às 17h. As observações do céu e visitas guiadas em Libras são realizadas uma vez por semana. Também abrimos dois sábados por mês. Desde sua criação até 2019, a Casa da Descoberta já recebeu cerca de 120.000 visitantes. Em 2020, devido as restrições impostas pela pandemia da COVID-19, as ações da Casa da Descoberta passaram a ser realizadas na modalidade remota. Neste ano, continuaremos a desenvolver as atividades de Divulgação Científica em nossas mídias sociais. No entanto, também apresentaremos nossa proposta de ações presenciais que somente serão implementadas caso tenhamos autorização da UFF para a reabertura do museu.