Coordenador : Maria Fernanda de Souza Costa Silva
Ano: 2021
Publico Alvo : O público-alvo deste projeto são jovens de 16-30 anos, brasileiros, usuários de mídias sociais como Instagram, Facebook e Youtube. Temos como objetivo auxiliar na alfabetização cientifica dessa parcela importante da população, que são os principais usuários dessas plataformas. Queremos que através do nosso conteúdo esses jovens criem interesse em aprender mais sobre ciência e saúde. Desta forma, ao levar conhecimentos a estes sujeitos, eles poderão desempenhar melhor seu papel de cidadãos na sociedade e passar a diante o que foi aprendido. De forma indireta, pretendemos atingir o máximo de pessoas e camadas da sociedade. Atualmente, no instagram contamos com 573 seguidores (que aumenta de 2-5 por semana), alcançando mais de 200 contas por cada conteúdo postado. Nossos seguidores têm em sua maioria pessoas na faixa etária de 18-44 (65%), atingindo majoritariamente pessoas do Rio de Janeiro (44%) e Niterói (15%), mas também alcançando cidades de outros estados como São Paulo (8%) e Fortaleza (1,3%). Temos 1% dos nossos seguidores residindo em outros países, mas como fazemos conteúdos apenas em português não esperamos alcançar uma visibilidade internacional.
Local de atuação: GIM
Resumo
A divulgação de conteúdo científico tem como objetivo a aproximação da universidade da sociedade em geral. O acesso à informação é uma necessidade social e por isso hoje a internet, com seu poder global, é uma importante ferramenta para facilitar e ampliar a disseminação e o acesso à informação sobre as mais diversas áreas do conhecimento. A divulgação de conteúdo científico com linguagem acessível, interessante e em formato atrativo pode favorecer democratização do conhecimento para a população em geral e permite a valorização do trabalho do pesquisador/professor frente a sociedade. As plataformas de rede social têm crescido muito nos últimos anos, principalmente quanto ao número de usuários e com um alcance abrangente da população brasileira, tornando um dos principais canais de comunicação. Essas redes são gratuitas e permitem a comunicação ágil e interativa em diferentes formatos de conteúdo. As plataformas como Facebook, Twitter, Youtube e Instagram apresentam objetivos, população alvo e formatos de conteúdo diferentes. Elas permitem uma interação rápida com a sociedade, através da resposta direta aos questionamentos referentes ao conteúdo postado. No mês de março de 2020, foram lançados os canais de divulgação científica Imunolog – Divulgando Ciência nas seguintes plataformas: Facebook, Youtube e Instagram. Esse canal tem como objetivo divulgar novidades científicas em linguagem acessível, interessante e em formato atrativo através de mídias sociais, a fim de favorecer a democratização do conhecimento. Atualmente, temos focado mais em postagens no Instagram, uma vez que esta plataforma tem maior alcance no nosso público-alvo, que são jovens de 16-30 anos.