Coordenador : Priscila Petereit de Paola Gonçalves
Ano: 2021
Publico Alvo : População hipossuficiente de Macaé.
Local de atuação: MDI
Resumo
O projeto de extensão tem como foco central a prestação de assistência jurídica a população hipossuficiente de Macaé, especificamente nas áreas cível e consumerista, dando ênfase aos meios extrajudiciais de resolução de conflitos, como, por exemplo, a mediação, a negociação e a conciliação. Neste sentido, o projeto desmembra-se em três principais eixos: (i) primeiramente, buscar-se-á divulgar conteúdo informativo, através de redes sociais, acerca das principais demandas jurídicas que envolvam a população macaense; (ii) em segundo lugar, far-se-á atendimento (presencial ou remoto) visando orientar, informar e aconselhar o cidadão hipossuficiente em demandas jurídicas particulares; e, por fim, (iii) uma vez instaurado o conflito entre as partes, tentar-se-á promover a solução do litígio de forma consensual, amigável e extrajudicial. Esse projeto tem como objetivo munir os cidadãos de informações e de conteúdos jurídico relevante, de forma clara e simples, possibilitando, assim, que a resolução dos conflitos ocorra de forma consensual entre as partes. Desse modo, buscar-se-á potencializar a atuação do cidadão, seja na compreensão, na prevenção ou na resolução de demandas de cunho jurídico, as quais permeiam a sua vida social. Da mesma forma, o presente projeto também visa o aperfeiçoamento do estágio profissional dos extensionistas, que oferecerão atendimento jurídico eficiente, qualificado e claro à comunidade macaense, popularizando a justiça, tornando-a, consequentemente, mais célere e eficaz.