Coordenador : Róberson Machado Pimentel
Ano: 2019
Publico Alvo : Produtores rurais, técnicos agrícolas, médicos veterinários, zootecnistas, engenheiros agrônomos, alunos e professores de cursos relacionados à ciências agrárias.
Local de atuação: MZO
Resumo
Apesar das áreas de pastagens serem a base de sustentação da pecuária a maior parte desse ecossistema encontra-se em algum estágio de degradação, o que compromete a sustentabilidade do empreedimento rural. Dentre os motivos dessa realidade está a escolha incorreta das forrageiras na propriedade. A falta de critérios técnicos pode levar o produtor a selecionar, equivocadamente, espécies forrageiras que não são adaptadas aos fatores abióticos e/ou ao seus objetivos de produção. Por isso, a correta identificação e caracterização das espécies forrageiras, assim como o aprimoramento e aplicação do sistema computacional para auxiliar na escolha das espécies de plantas (UFForrageiras) constituem ferramentas úteis para orientar na etapa inicial de estabelecimento das forrageiras. O projeto consiste na atualização do banco de dados com as principais forrageiras tropicais, com as informações organizadas no programa Microsoft Office Excel, além de aprimorar o programa para ser utilizado no sistema android do smartphone. As informações geradas pelo programa UFForrageiras tem por objetivo auxiliar na tomada de decisão quanto a escolha da forrageira mais indicada para cada localidade e objetivo de uso. Além disso, consta no projeto ampliar o germoplasma de espécies contituintes no Setor de Agrostologia da Fazenda Escola Cachoeiras de Macacu, assim como realizar a catalogação digital das forrageiras nessa unidade demonstrativa por meio do código de barras bidimensional (QR code). Na etapa final as atividades desenvolvidas serão apresentadas na Fazenda Escola Cachoeiras de Macacu em dia de campo a ser realizado no evento de extensão denominado VIII Encontro de Zootecnia.