Coordenador : Nivia Valença Barros
Ano: 2019
Publico Alvo : O Programa UFF Mulher visa a levar atividades voltadas para a reflexão, prevenção e capacitação de agentes públicos, privados, como também, para o mais amplo segmentos da sociedade, sobre questões relativa a saúde da mulher e sobre seus direitos, fomentan
Local de atuação: CDFE/EX
Resumo
Ao lado de diversas conquistas obtidas por mulheres nas últimas décadas convive-se com as mais variadas formas de violência – sexual, física e psicológica/emocional –, com diversas situações discriminatórias, de exploração e de violação dos direitos humanos. As situações que envolvem violação dos direitos humanos e, em especial, a violência contra a mulher, principalmente a violência doméstica, são carregadas de representações que, em muitos casos, colaboram para a manutenção do silêncio e banalização da violência. Entretanto, estas situações também provocam indignação e repúdio, que geram tanto denúncias dos casos existentes quanto procura de ajuda. Grande parte dos estudos e pesquisas no Brasil ressalta a gravidade da questão das violações de direitos e da violência contra a mulher, que independe de classe social, de credos religiosos, de etnias (ver: Marcadas a Ferro – Brasília: Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres, 2005. 260p.). As extensas e a diversidade de abusos e violações, nem sempre são fáceis de serem detectados e de complexa resolução, pois ocorrem em espaços públicos e privados, onde se mantém algum vinculo de familiaridade e de reconhecimento. Tratar de direitos humanos é pensar sobre que sociedade estamos construindo e qual é nosso comprometimento com a consolidação da cidadania e para todos os seus membros.