Coordenador : Romulo Augusto de Abreu Franchini
Ano: 2019
Publico Alvo : Alunos de Graduação/Pós-Graduação, Servidores Técnico-Administrativos e Professores, além da população e comunidade atendida diretamente pelas clínicas odontológicas no Instituto de Saúde de Nova Friburgo (ISNF/UFF)
Local de atuação: FCB
Resumo
O uso de medicamentos é a forma mais comum de tratamento de saúde, porém estudos alertam sobre os riscos da automedicação, como a intoxicação pelo uso de substâncias vencidas, e da poluição do meio ambiente devido ao descarte incorreto de medicamentos. A presença de alguns grupos de fármacos no meio-ambiente merece atenção especial, dentre eles estão os antibióticos e os estrogênios. Os primeiros, devido ao desenvolvimento de bactérias resistentes e, os estrogênios, pela potencialidade de afetar adversamente o sistema reprodutivo de organismos aquáticos. Medicamentos inutilizados/vencidos representam um problema de saúde pública considerado de grande impacto econômico e vários fatores contribuem para seu acúmulo seja em ambiente doméstico ou comercial: dispensação dos medicamentos além da quantidade exata para o tratamento do paciente (super-prescrição); distribuição aleatória de amostras-grátis; interrupção ou mudança de tratamento; farmácia caseira; reações adversas; auto-medicação e demais fatores relacionados a carência de informação da população, prevenção e cuidados básicos; gerenciamento inadequado de medicamentos por farmácias/drogarias e demais estabelecimentos de saúde. Nesse contexto os principais objetivos do projeto são: realizar uma campanha de recolhimento de medicamentos vencidos/inutilizados junto à comunidade acadêmica e a população de Nova Friburgo; Proporcionar um meio correto para a eliminação de tais fármacos; Conscientização sobre os riscos do destino inadequado junto ao meio ambiente e as pessoas que possam vir a ter contato com elas; promover futuras parcerias com instituições para a ampliação do projeto, tais como estabelecimentos farmacêuticos, conselhos de farmácia/medicina, instituições de ensino e secretarias de sáude; além da destinação final dos produtos recolhidos.