Coordenador : Johnny Menezes Alvarez
Ano: 2019
Publico Alvo : Adolescente e jovens mulheres a partir dos 12 anos
Local de atuação: GSI
Resumo
O projeto Espaço de trocas: samba e corpo enquanto território de resistência na comunidade é parte das inquietudes que tem surgido, na tentativa de compreender as formações de identidades negras e dos lugares de resistência na perspectiva afro brasileira em Niterói. Este Projeto, tem como ponto de partida a trajetória vivida na graduação por uma aluna negra e cantora de samba. Tem portanto sua ancoragem no percurso desta aluna na graduação em Antropologia na UFF e enquanto cantora e fomentadora cultural que tem possibilitado o contato instrumental com projetos de formação que se sustentam na oralidade. Com isso teremos como alvo para adentrar os encontros com a comunidade do morro 94, as escrevivências e aquilombamentos artísticos existentes desde o pós abolição, como a casa de tia Ciata e outras tias baianas. O intuito é fazer um desdobramento de músicas, documentários dentre outras produções audiovisuais que dá visibilidade a diversas experiências culturais afro brasileiras e afrodiaspóricas, e também como lugar elementar na luta contra o racismo no campo audiovisual e na sociedade brasileira de forma geral. As ações culturais serão realizadas no morro da 94 em Niterói. A intenção é sensibilizar sobre a contribuição fundamental das ações e dos enfrentamentos do corpo feminino negro. O objetivo central é o ter o samba e o cinema como ponto de partida abrindo a discussão para outros temas como o sexismo e a violência contra a mulher.