Coordenador : Daniel Arruda Nascimento
Ano: 2019
Publico Alvo : Discentes, servidores administrativos e docentes dos cursos de Administração, Ciências Contábeis e Direito do Instituto de Ciências da Sociedade de Macaé, bem como dos demais cursos oferecidos na Cidade Universitária de Macaé.
Local de atuação: MDI
Resumo
Tem o projeto proposto o objetivo de oferecer a cultura e a prática esportiva da canoa polinésia à comunidade acadêmica da Cidade Universitária de Macaé, contribuindo para o cultivo da saúde física e mental dos participantes. A canoa polinésia, ou havaiana, pertence a uma cultura milenar oriunda do conjunto de ilhas no sul do Oceano Pacífico, de formação vulcânica e coralina, de população indígena, que recebeu o nome grego de Polinésia, hoje colonizadas pelos Estados Unidos, França, Nova Zelândia e Chile. É notório como as práticas esportivas são comumente oferecidas às comunidades acadêmicas universitárias no gradiente da extensão universitária. Uma atividade extensionista é aquela que promove a difusão criativa com base na experiência ou ideias promissoras, expande na direção da comunidade popular e se enriquece na arte do encontro. Uma atividade física frequente, especialmente as atividades aeróbicas, traz uma série de benefícios à saúde física e mental de quem as pratica, desde o condicionamento físico e o aumento da capacidade cardiorrespiratória à redução do estresse e da ansiedade, favorecendo ainda a empatia, o entrosamento e a sociabilidade. Aproveitando-se da interação com as características geográficas e as belezas oceânicas da cidade de Macaé, abundantes em sua costa e em suas lagoas, terão os participantes a possibilidade de estabelecer reflexões sobre o seu lugar no mundo.