DED

CAROLINA MARIA DE JESUS: UMA INTELECTUAL VISCERAL

O curso propõe afirmar a relevância da escritora Carolina Maria de Jesus como representante intelectual, reconhecendo suas obras como fundamentais para discutir seriamente a realidade brasileira, principalmente nos Campos da História do Brasil; da Sociologia e da Antropologia das favelas e periferias; da Pedagogia, fundamentalmente no que tange à Alfabetização das classes populares; e da Arte, naquilo a que hoje se tem denominado Literatura Marginal ou Arte Marginal.

Educação do Campo nas Comunidades Caiçara de Paraty: implantação do segundo segmento do Ensino Fundamental na Zona Costeira

Buscando contribuir com o fortalecimento das propostas de educação diferenciada no campo e mais especificamente na Zona Costeira de Paraty, elaboramos esse projeto para dar suporte à implantação do segundo segmento do Ensino Fundamental nas Comunidades Caiçaras de Paraty. Essas Comunidades vêm ao longo de vários anos se mobilizando na luta por uma educação de qualidade para suas crianças. Viemos, enquanto professores e alunos da UFF, desde meados de 2015, participando de reuniões, junto à SME de Paraty, que visam auxiliar essa implantação.

Conjuntura Costa Verde

O projeto de extensão oferecerá à comunidade um retrato das condições econômicas e sociais dos municípios que compõem a Região da Costa Verde, de modo a permitir a compreensão da realidade local. Seus resultados, sob a forma de um amplo diagnóstico, permitirão auxiliar e fundamentar as decisões do poder público e contribuir para o debate com a sociedade civil organizada, tendo como finalidade promover a melhor qualidade de vida e o pleno desenvolvimento dos municípios.

Levando poesia para a escola (Cópia) 15-01-2015 (Cópia) 03-02-2016

O projeto é realizado com crianças do terceiro ano do ensino fundamental, na Escola Cornelis Verolme, em Angra dos Reis. Os encontros acontecem uma vez por semana, com a duração de uma hora. Trabalhamos com atividades relacionadas à literatura, poesia, música e teatro, com o intuito de mostrar aos alunos que há outras formas de aprender, pois, estão acostumados com o método de copiar e escutar, que dificulta a criatividade e o interesse em aprender. Tentamos fazer com que as crianças descubram, de forma mais lúdica e agradável, o sentido da aprendizagem.