Angela Santos Ferreira Nani

Programa de Controle do Tabagismo no Hospital Universitário Antônio Pedro (Cópia) 05-01-2015 (Cópia) 06-01-2016

É fato comprovado que a exposição passiva à fumaça dos derivados do tabaco é fator de risco para adoecimento e mortes entre não fumantes. Os danos justificam medidas para a proibição do tabagismo em locais públicos e de trabalho. Não tem sentido oferecer tratamento para fumantes em Unidades de Saúde nas quais profissionais de Saúde, pacientes e acompanhantes ainda fumem.