Saúde

Liga de Ciências Cardiovasculares da UFF / LiCCa – UFF 2016

As doenças cardiovasculares apresentam elevadas taxas de incidência e prevalência no Brasil e importante impacto na população. Diante disso, torna-se relevante a criação de iniciativas que tenham por objetivo uma abordagem prática e teórica de assuntos relativos às ciências cardiovasculares, a fim de melhor compreendê-las. As ligas acadêmicas podem ser consideradas um exemplo de tais iniciativas, na medida em que são formadas por um grupo de acadêmicos que organizam atividades extracurriculares de ensino, pesquisa e extensão numa determinada área da saúde.

Saúde para todos

A presente proposta visa estimular o vínculo entre a Universidade Federal Fluminense e uma comunidade de recuperandos em dependência química, envolvendo docentes e alunos de graduação na divulgação de conhecimentos científico. Para o seu desenvolvimento será realizado oficinas sobre higiene pessoal e prevenção à saúde para internos da escola de dependentes químicos Videira Verdadeira, da Associação Comunidade dos Sinos, localizado no bairro de Campos Novos, Cabo Frio.

Cuidados a Pessoa com Doença de Alzheimer – Blog interativo

Este projeto de extensão surgiu da importância dos cuidados de enfermagem desenvolvidos a pessoa com Doença de Alzheimer e outros transtornos demenciais e emergiu das preocupações crescentes com as estratégias e as ações de saúde e o desenvolvimento e implementação de políticas de saúde voltadas especificamente a pessoa com a Doença de Alzheimer.

Epidemiologia da Infecção Hospitalar no contexto de um Hospital da Região dos Lagos do Estado do Rio de Janeiro.

Contempla a temática relacionada às Infecções hospitalares, pois geram consequências significativas para um sistema de saúde: são causadoras das elevadas taxas de mortalidade e morbidade e geram grande impacto para a economia dos serviços de saúde, pois implica num maior tempo de internação e aumento nos custos em assistência à saúde.

Atendimento de solicitações de cariótipo (Cópia) 11-01-2016

Nossa proposta é atender as pessoas com solicitação médica de cariótipo com banda G e algumas técnicas complementares para: •Confirmar a suspeita diagnóstica, ex: clínica sindrômica •Afastar possibilidades, ex: baixa estatura, infertilidade; #61656;Também criamos uma oportunidade dos alunos entrarem em contato com esses pacientes, vivenciarem todas as etapas da realização dos exames além de ser a aplicação de uma metodologia otimizada em projeto de pesquisa anterior.

teste do reflexo vermelho na atenção básica: assistência e capacitação

A visão representa uma ferramenta de percepção da nova realidade que se modifica logo nos primeiros instantes de vida. Por isso, a saúde ocular em neonatos deve ser fator de investigação logo nos primeiros dias de vida, pois permite identificar anormalidades, muitas delas passíveis de tratamento ou prevenção. Uma forma de triagem, ainda na maternidade, é o Teste do Reflexo Vermelho ( TRV ). A partir da suspeita inicial, então, investiga-se doenças como retinoblastoma, catarata e glaucoma congênitos e retinopatia de prematuridade.

Estratégias e Ações para promoção da alimentação saudável na escola: integrando extensão, ensino e pesquisa

A infância representa um importante período da vida onde o cuidado com a saúde, em especial a alimentação, é fundamental para as fases subseqüentes. A escola é um espaço onde ocorrem experiências capazes de promover a construção de valores, hábitos e atitudes, além de possuir papel fundamental no desenvolvimento e na aprendizagem para formação social e do cidadão, podendo ser considerada ainda, um espaço privilegiado para promover saúde.

Qualidade de vida e bem-estar de trabalhadores de colégio universitário

Conhecer fatores relacionados à qualidade de vida e à saúde de professores e profissionais de apoio de um colégio universitário, observando a ocorrência de transtornos, síndromes ou distúrbios que possam reduzir o bem-estar do profissional, assim como conhecer a percepção deste sobre a influência do ambiente laboral em sua vida. A ideia principal é coletar informações e retornar ao grupo, por meio de palestraras suas maiores vulnerabilidades.

Atenção Primária Odontológica a Crianças de 0 a 12 anos que sofreram traumatismos dento-alveolares

Apesar de já existir na Universidade Federal Fluminense um atendimento odontológico infantil na disciplina de Odontopediatria (Faculdade de Odontologia), o primeiro atendimento a um paciente traumatizado requer conhecimentos e técnicas especializadas. Ao aluno de graduação, é furtada a oportunidade ao conhecimento e ao paciente é facultado o atendimento odontológico primário. Esses pacientes muitas vezes são então, encaminhados a vários locais de atendimento emergencial, que estão saturados e não localizados na cidade de Niterói.