Saúde

Educando Comunidades: A saúde dos grupos humanos (Cópia) 15-02-2013 (Cópia) 12-02-2014 (Cópia) 12-02-2015 (Cópia) 05-02-2016

O Programa visa as ações de educação para saúde nas dimensões física, emocional, espiritual, junto à comunidade, que são fundamentais considerando os problemas crescentes na situação atual de saúde de nossa sociedade. Têm suas vertentes na promoção, manutenção e restauração da saúde e na prevenção de doenças. Além disso, o Programa tem foco na facilitação das interações humanas oferecendo conhecimentos de habilidades sociais, resolução de conflitos e práticas restaurativas para uma cultura da paz, e fortalecimento de interações humanas saudáveis.

Promovendo a saúde mental de estudantes de graduação

A saúde mental, saúde física e a social são fios da vida estreitamente entrelaçados e profundamente interdependentes. À medida que cresce a compreensão desse relacionamento, torna-se cada vez mais evidente que a saúde mental é indispensável para o bem-estar geral dos indivíduos e das sociedades. A importância da saúde mental é reconhecida pela OMS, na sua própria definição de saúde, como um estado de completo bem-estar físico, mental e social.

GERÊNCIA DO CUIDADO DE ENFERMAGEM A PACIENTES PORTADORES DE LESÕES CUTÂNEAS - 2016

A atenção integral e articulada de assistência à saúde de baixa, média e alta complexidade requer a implementação de ações de educação e promoção à saúde e de educação permanente dos profissionais de enfermagem e da equipe de saúde com vistas à capacitação para a prestação de cuidados preventivos e curativos, individuais e coletivos a clientes portadores e/ou com risco potencial de desenvolver lesões cutâneas.

Laboratório de práticas corporais e Yoga no SPA

Essa atividade de extensão objetiva atrelar a oferta de uma prática terapêutica complementar à pesquisa clínica em saúde mental e à formação clínica dos alunos do curso de Psicologia do IHS/UFF. Buscaremos praticar e estudar Yoga, pesquisar as perspectivas e as orientações psicoterápicas presentes na Tradição do Hatha Yoga, estabelecer correlações com perspectivas da Clínica, conduzir e acompanhar processos clínicos, de formação e psicoterapêuticos sustentados/fundamentados nessas correlações investigadas.

Periódico eletrônico: Revista Saúde, Tecnologia e Sociedade - REVSTS

O presente projeto apresenta uma proposta para a criação de uma revista eletrônica para o Departamento de Enfermagem de Rio das Ostras, da Universidade Federal Fluminense (UFF), este que da mesma forma que todo o Campus Universitário no qual se encontra incluído, nunca possuiu um canal próprio para a divulgação da produção intelectual do corpo docente e discente da Universidade.

Diagnóstico e Prevenção de Enteroparasitoses: integrando ensino, pesquisa e extensão no município de Niterói, RJ (Cópia) 01-12-2014 (Cópia) 01-02-2016

As parasitoses intestinais representam um grave problema de saúde pública, principalmente em países subdesenvolvidos, onde a frequência está relacionada a fatores ambientais, socioeconômicos e condições de saneamento básico. A educação em saúde tem um importante papel no processo de intervenção para o controle das parasitoses intestinais, pois é um meio de compartilhar e produzir novos conhecimentos/saberes/praticas, ampliando o papel do sujeito em seu próprio processo de vida, de escolhas, de maior autonomia.

Liga de Trauma, Reanimação e Emergência (LiTRE - UFF) - 17 de dezembro de 1961

A Liga de Trauma, Reanimação e Emergência da Universidade Federal Fluminense (LiTRE - UFF) é composta por graduandos de Medicina e Enfermagem que, orientados por professores e profissionais da área da saúde da própria instituição e da rede, têm com missão estimular o estudo das emergências médicas e do trauma em toda comunidade acadêmica da UFF, visando melhor formação dos alunos e qualidade no atendimento à sociedade.

Reabilitação Humana, trabalho e inserção social.Uma análise das deficiências na convergência com a mobilidade em Nova Friburgo e Niterói. (Cópia) 09-01-2014 (Cópia) 05-01-2015 (Cópia) 26-01-2016

Atenta-se aos impasses que compõem o cotidiano de pessoas com deficiência. Destacam-se os objetivos: analisar vetores de produção de concepções de deficiência e contrapor leituras da condição de deficiente. Indaga-se: De que modo o deslocamento na cidade atravessa o tratamento? Que estratégias são adotadas para o acesso ao trabalho? Que outros modos de intervir Psi são possíveis ao se reconhecer o protagonismo de nossa clientela? Para a discussão dessas questões recorre-se às contribuições de Certeau (1994), Canguilhem (2002), Lancillotti (2003) e Nunes (2005).

Centro de Documentações em Políticas de Saúde - CEDOC - Saúde

O Centro de Documentações em Políticas de Saúde – CEDOC–Saúde começou a ser desenvolvido quando docentes do Instituto de Saúde Coletiva (ISC) da Universidade Federal Fluminense (UFF) perceberam a necessidade de inovar as estratégicas pedagógicas no campo da saúde coletiva nas graduações. Nesse sentido, o CEDOC-Saúde é um acervo que reúne diversos tipos de mídia sobre Políticas de Saúde, sobretudo em Niterói.